Junte-se a nós

Venha conviver em "Viver Livremente"

 
Powered by br.groups.yahoo.com


Este grupo se destina ao livre convívio, sem barreiras de qualquer espécie, tendo apenas como base o respeito mutuo.  Aos que aceitarem este "desafio" desejo que se divirtam.

TODOS SÃO BEM-VINDOS

Domingo, 27 de Novembro de 2005

Sobre presidenciais

</font></strong>


 </td>



Sobre as Presidenciais





Durante algum tempo Viver Livremente
apoiou Manuel
Alegre a Presidente da República  Portuguesa... Hoje temos duvidas
sobre suas posições politicas e decidimos retirar-lhe esse apoio por entender que tal
candidato não corresponde ás nossas expectativas, Manuel Alegre, CONTINUA
DEMASIADO LIGADO AO PS.



 O Partido Socialista nunca mereceu nosso apoio e
quando Manuel Alegre contrariando o partido se candidatou pensamos que
finalmente ele optara por tomar um caminho de esquerda, caminho esse que não
é, nem nunca foi o do PS.



Com alguma tristeza reparamos que o candidato continua
fiel aos ideais do partido a que sempre pertenceu, como tal não pode contar
com nosso
apoio pois sua candidatura não é em nada diferente da de Mário Soares.



Não vamos aqui
mais apoiar ninguém mas manifestamos nossa posição no sentido de um Portugal
melhor económica e politicamente. E manifestamos ainda nossa preocupação com o
futuro do Alentejo, pois nem PS nem PSD alguma vez se preocuparam com essa
parte do país.

 

Viver Livremente editou às 12:17
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 16 de Novembro de 2005

- A lição do jardineiro





 








Um dia, o executivo de uma grande empresa contratou, pelo telefone, um jardineiro autónomo para fazer a manutenção do seu jardim.




Chegando em casa, o executivo viu que estava contratando um garoto de apenas 15 ou 16 anos de idade. Contudo, como já estava contratado, ele pediu para que o garoto executasse o serviço.
Quando terminou, o garoto solicitou ao dono da casa permissão para utilizar o telefone e o executivo não pôde deixar de ouvir a conversa.




O garoto ligou para uma mulher e perguntou: - A senhora está precisando de um jardineiro? - Não. Eu já tenho um", foi a resposta. - Mas, além de aparar a grama, frisou o garoto, eu também tiro o lixo. Nada demais, retrucou a senhora, do outro lado da linha. O meu jardineiro também faz isso. O garoto insistiu: - Eu limpo e lubrifico todas as ferramentas no final do serviço. - O meu jardineiro também, tornou a falar a senhora. - Eu faço a programação de atendimento, o mais rápido possível. - Bom, o meu jardineiro também me atende prontamente. Nunca me deixa esperando. Nunca se atrasa. Numa última tentativa, o menino arriscou: - O meu preço é um dos melhores. - Não, disse firme a voz ao telefone. Muito obrigada! O preço do meu jardineiro também é muito bom.




Desligado o telefone, o executivo disse ao jardineiro: - Meu rapaz, você perdeu um cliente. - Claro que não", respondeu rápido. - Eu sou o jardineiro dela. Fiz isto apenas para medir o quanto ela estava satisfeita comigo.




Em se falando do jardim das afeições, quantos de nós teríamos a coragem de fazer a pesquisa deste jardineiro? E, se fizéssemos, qual seria o resultado? Será que alcançaríamos o grau de satisfação da cliente do pequeno jardineiro? Será que temos, sempre em tempo oportuno e preciso, aparado as arestas dos azedumes e dos pequenos mal-entendidos? Estamos permitindo que se acumule o lixo das mágoas e da indiferença nos canteiros onde deveriam se concentrar as flores da afeição mais pura? Temos lubrificado, diariamente, as ferramentas da gentileza, da simpatia entre os nossos amores, atendendo as suas necessidades e carências, com presteza? E, por fim, qual tem sido o nosso preço? Temos usado chantagem ou, como o jardineiro sábio, cuidamos das mudinhas das afeições com carinho e as deixamos florescer, sem sufocá-las? O amor floresce nos pequenos detalhes. Como gotas de chuva que humedecem o solo ou como o sol abundante que se faz generoso, distribuindo seu calor.
A gentileza, a simpatia, o respeito são detalhes de suma importância para que a fluorescência do amor seja plena e frutifique em felicidade.



Iracema








 



Viver Livremente editou às 18:40
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Terça-feira, 1 de Novembro de 2005

- De 5 saiem 4 fica 1




Viver Livremente editou às 20:22
link do post | comentar | favorito
|

Maio 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
28
29
30
31


Pesquisar no blog

 

Nossos Grupos


Grupo Liberdade Cristã


Grupo Viver Livremente


Olivença é Portuguesa (MSN)

Nossos Sites


Miguel & Sylvia


Homepage de Miguel Roque


Alentejano de alma e coração


Liberdade Cristã

Nossos Blogues


Filhos & Netos


Sylvinha em Portugal


Sub-Blog do tapete


Sonho Alentejano


Viver Livremente


EU acredito em Portugal


Independência em perigo


Portugal Ressuscitado


Jornal de Olivença


Olivença é Portuguesa


A Bandeira Vermelha


Bandiera Rossa


Leitura semanal-Liberdade Cristã

Arquivos

Maio 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Janeiro 2007

Setembro 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Arquivos Recentes

Tempos modernos...

Os incorrigiveis...

Natal com humor

Coisas do século XXI

no alentejo...

Tentar surpreender é sair...

Surpresa (será?)

Novos tempos...

Cuidado com o que lê...

A melhor recompensa

Arquivos

Maio 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Janeiro 2007

Setembro 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

a carregar

Estou no...






Estou no Blog.com.pt

E você, blogaqui?
blogs SAPO

subscrever feeds

tags

todas as tags