Junte-se a nós

Venha conviver em "Viver Livremente"

 
Powered by br.groups.yahoo.com


Este grupo se destina ao livre convívio, sem barreiras de qualquer espécie, tendo apenas como base o respeito mutuo.  Aos que aceitarem este "desafio" desejo que se divirtam.

TODOS SÃO BEM-VINDOS

Quinta-feira, 25 de Agosto de 2005

- Ser Pai


Ser Pai









Ser pai é, acima de tudo,
não esperar recompensas. Mas ficar feliz caso e quando cheguem. É saber
fazer o necessário por cima e por dentro da incompreensão. É aprender a
tolerância com os demais e exercitar a dura intolerância (mas compreensão)
com os próprios erros.



Ser pai é aprender, errando, a hora de falar e de calar. É contentar-se em
ser reserva, coadjuvante, deixado para depois. Mas jamais falar no momento
preciso. É ter a coragem de ir adiante, tanto para a vida quanto para a
morte. É viver as fraquezas que depois corrigirá no filho, fazendo-se forte
em nome dele e de tudo o que terá de viver para compreender e enfrentar.



Ser pai é aprender a ser contestado mesmo quando no auge da lucidez. É
esperar. É saber que experiência só adianta para quem a tem, e só se tem
vivendo. Portanto, é agüentar a dor de ver os filhos passarem pelos
sofrimentos necessários, buscando protegê-los sem que percebam, para que
consigam descobrir os próprios caminhos.



Ser pai é: saber e calar. Fazer e guardar. Dizer e não insistir. Falar e
dizer. Dosar e controlar-se. Dirigir sem demonstrar. É ver dor, sofrimento,
vício, queda e tocaia, jamais transferindo aos filhos o que, a alma, lhe
corrói. Ser pai é ser bom sem ser fraco. É jamais transferir aos filhos a
quota de sua imperfeição, o seu lado fraco, desvalido e órfão.



Ser pai é aprender a ser ultrapassado, mesmo lutando para se renovar. É
compreender sem demonstrar, e esperar o tempo de colher, ainda que não seja
em vida. Ser pai é aprender a sufocar a necessidade de afago e compreensão.
Mas ir às lágrimas quando chegam.



Ser pai é saber ir-se apagando à medida em que mais nítido se faz na
personalidade do filho, sempre como influência, jamais como imposição. É
saber ser herói na infância, exemplo na juventude e amizade na idade adulta
do filho. É saber brincar e zangar-se. É formar sem modelar, ajudar sem
cobrar, ensinar sem o demonstrar, sofrer sem contagiar, amar sem receber.



Ser pai é saber receber raiva, incompreensão, antagonismo, atraso mental,
inveja, projeção de sentimentos negativos, ódios passageiros, revolta,
desilusão e a tudo responder com capacidade de prosseguir sem ofender; de
insistir sem mediação, certeza, porto, balanço, arrimo, ponte, mão que abre
a gaiola, amor que não prende, fundamento, enigma, pacificação.



Ser pai é atingir o máximo de angústia no máximo de silêncio. O máximo de
convivência no máximo de solidão. É, enfim, colher a vitória exatamente
quando percebe que o filho a quem ajudou a crescer já, dele, não necessita
para viver. É quem se anula na obra que realizou e sorri, sereno, por tudo
haver feito para deixar de ser importante.


Artur da Távola


Viver Livremente editou às 22:40
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 27 de Agosto de 2005 às 07:15
Primeira vez que visito teu Blog,
gostei mto mto de tudo, parabéns!

Good vibe :)Ana Brunini
(http://anabrunini.blogs.sapo.pt/)
(mailto:anahbrunini@hotmail.com)


Comentar post

Maio 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
28
29
30
31


Pesquisar no blog

 

Nossos Grupos


Grupo Liberdade Cristã


Grupo Viver Livremente


Olivença é Portuguesa (MSN)

Nossos Sites


Miguel & Sylvia


Homepage de Miguel Roque


Alentejano de alma e coração


Liberdade Cristã

Nossos Blogues


Filhos & Netos


Sylvinha em Portugal


Sub-Blog do tapete


Sonho Alentejano


Viver Livremente


EU acredito em Portugal


Independência em perigo


Portugal Ressuscitado


Jornal de Olivença


Olivença é Portuguesa


A Bandeira Vermelha


Bandiera Rossa


Leitura semanal-Liberdade Cristã

Arquivos

Maio 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Janeiro 2007

Setembro 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Arquivos Recentes

Tempos modernos...

Os incorrigiveis...

Natal com humor

Coisas do século XXI

no alentejo...

Tentar surpreender é sair...

Surpresa (será?)

Novos tempos...

Cuidado com o que lê...

A melhor recompensa

Arquivos

Maio 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Janeiro 2007

Setembro 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

a carregar

Estou no...






Estou no Blog.com.pt

E você, blogaqui?
blogs SAPO

subscrever feeds

tags

todas as tags